Cultura & Entretenimento

Aruba: uma ilha fácil de se apaixonar

Outro dia postei aqui uma matéria sobre o volume de turistas brasileiros em Aruba e fiquei com um gostinho de quero mais, “quero escrever mais” como dizem os apaixonados por dividir informação, como eu. Então, resolvi montar este post com um pouco de sua história e curiosidades de Aruba e em outros posts escreverei algumas informações bastante úteis para facilitar a viagem de quem vai para aquele paraíso divino. Fique a vontade e delicie-se com Aruba!

 Aruba Embarque na Viagem

Aruba, a ilha dos 90,000 amigos que você ainda não conheceu, é realmente uma experiência especial. Além do cenário paradisíaco de suas praias com mar calmo azul turquesa, a ilha oferece agitação e entretenimento para todos em seus 28 luxuosos hotéis e resorts ao longo de sua costa Sudoeste, campos de golfe para campeonatos, suntuosos spas, vibrantes cassinos, extraordinária cozinha internacional e local, lojas e boutiques exclusivas, atividades de tirar o fôlego em terra e no mar, galerias de arte e museus, eventos e festivais de músicas e cinemas internacionais, além de uma agitada vida noturna com bares e boates com música ao vivo. Esse destino cosmopolita e tropical, caloroso e povoado por cidadãos hospitaleiros, oferece o lugar perfeito para sua primeira vez na ilha ou para visitantes frequentes que retornam a Aruba, mais que para qualquer outro destino caribenho.

Além da atmosfera amigável de Aruba, outra vantagem é a proximidade das Américas. A ilha está situada no Caribe meridional, fora da rota dos furacões e oferece um clima perfeito com médias de temperatura anual de 28oC.

Farol Califórnia

Fora a região dos hotéis e o centro de Oranjestad, capital da ilha, os visitantes são convidados a explorar os milhares de atrativos de Aruba durante sua estada. A costa Noroeste, com seu terreno irregular, tem sua própria beleza, incluindo o “Farol Califórnia” onde é possível ter uma vista incrível das águas arubanas e das praias isoladas que são ótimas opções para prática de snorkeling e mergulho. A cidade de San Nicolas está localizada na região Sudeste da ilha, sede de incríveis praias e diversificação maravilhosa da natureza.  Em terra, Aruba apresenta uma exclusiva paisagem de cactos, babosa e formações rochosas do Caribe.

Turismo é a principal indústria de Aruba, que passou recentemente por um grande programa de desenvolvimento criado para expandir e melhorar seu produto turístico e facilidades. Esse programa, realizado com o maior cuidado para preservar as lindas praias e para proteger a ilha de uma grande mudança, levou Aruba a um grande sucesso turístico.

História

A história de Aruba, até os dias atuais, foi marcada pelos desenhos nas rochas deixadas na ilha pelos índios, somados ao espírito empreendedor de colonizadores e aventureiros europeus e às diversas experiências e tradições trazidas por pessoas de diversas nacionalidades, que desde então procuraram na ilha uma nova casa ou um lugar para descanso.

O olhar do povo, as línguas faladas e a hospitalidade que se manifesta entre os arubianos é o resultado de uma mistura multicultural que reflete um passado glorioso.

Os europeus foram os primeiros a aportar em Aruba. Acredita-se que o explorador espanhol Alonso de Ojeda tenha chegado por volta do ano de 1499. De imediato, os espanhóis enviaram os índios para Santo Domingo, na República Dominicana, onde os puseram para trabalhar nas minas de cobre.

Em 1636, no auge da Guerra dos Oitenta Anos entre a Espanha e a Holanda, os holandeses se apossaram de Aruba e se mantiveram no comando por cerca de dois séculos. Em 1805, durante as Guerras Napoleônicas, os ingleses tomaram a ilha por pouco tempo, tendo sido devolvida ao controle dos holandeses em 1816.

Ainda hoje, Aruba faz parte do Reino da Holanda, mas possui seu próprio aparato político e é governada com independência.

Estado Espanhol

Quando o explorador Alonso de Ojeda descobriu Aruba em 1499 e a reinvidicou para o trono Espanhol, ele a chamou de “Ilha dos Gigantes”, por causa da altura dos índios descendentes dos primeiros colonos. Depois de uma década, seu nome passou a ser “Ilha Inútil”, uma vez que não foram encontrados tesouros ou ouro abundante em seu solo.

Em 1513, a população indígena foi escravizada e levada para trabalhar em outra ilha de propriedade espanhola chamada “Hispaniola”, nas quais hoje estão localizados o Haiti e a República Dominicana.

No ínicio do Período Histórico Indígena em 1515, alguns índios retornaram enquanto outros vieram do continente e foram viver em pequenos vilarejos ao norte da ilha.

Com o retorno dos espanhóis, os índios foram recrutados como trabalhadores para o gado e criação de cavalos. A partir do século 17, a maioria dos índios migrou do continente sul-americano.

Pregadores indígenas eram líderes espirituais católicos em Aruba no século 18. No início do século 19, os 1.700 índios moravam na ilha eram 1/3 da população, mas em 1872, os historiadores acreditam que os últimos índios faleceram.

Estado Holandês

A localização estratégica de Aruba foi reconhecida pelos holandeses que ocuparam inicialmente a ilha em 1636 para proteger seu fornecimento de sal, desde o continente, e para estabelecer uma base naval no Caribe durante a guerra dos Oitenta anos com a Espanha.

Um maior desenvolvimento econômico continuou com a Companhia das Índias Ocidentais Holandesas, localizada na ilha vizinha, Curaçao. Desde então Aruba permaneceu sob domínio dos holandeses, exceto por um breve hiato enquanto esteve sob domínio inglês durante as Guerras Napoleônicas, de 1805 a 1816.

Você pode encontrar outras informações nos links abaixo:

Os brasileiros descobriram Aruba

Aruba revelada em sua arte e tradições

 

Proteção ao Viajar

RESOLVA TUDO PARA A SUA VIAGEM AQUI


Publicidade Ⓘ

Seguro viagem com até 15% de desconto!!! Se está planejando uma viagem não esqueça de contratar um seguro!? Clique neste link para encontrar os melhores preços.  ✔ Use o cupom EMBARQUEVIAGEM10 e ganhe 10% de desconto, e para chegar a 15%, faça o pagamento por BOLETO e garanta mais 5%.

 

Apoie o Portal Embarque na Viagem

O seu apoio mantém o nosso Portal vivo. A imprensa tem um papel fundamental em nossa sociedade. O papel de informar, de esclarecer, de contar a verdade e trazer luz para o que, muitas vezes, está no escuro. Esse é o trabalho de cada um aqui no Embarque na Viagem e a nossa missão. Mas para isso, nós precisamos de você e do seu apoio, pois juntos nós podemos, através de matérias iguais a essa que você acabou de ler, buscar as transformações que tanto queremos.

Você pode doar qualquer valor. Basta clicar na bandeira do seu cartão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *