Gastronomia etc.

Guia gastronômico portenho: o que comer em Buenos Aires

Se Buenos Aires é um grande banquete para os olhos, com suas construções e ambientes históricos preservados, é também um local para se comer bem. Afinal, é em solo argentino que estão as melhores carnes, os deliciosos alfajores, o doce de leite mais famoso do mundo e os quitutes que deixam qualquer um com água na boca. O passeio na capital argentina só está completo quando o turista conhece o melhor da culinária, e consegue desfrutá-la com qualidade e por um preço justo. Vale a pena conhecer aqui os pontos turísticos mais famosos e dar uma paradinha para se deleitar com as opções gastronômicas. Veja aqui cinco delícias imperdíveis que o turista não pode deixar de experimentar:

Medialunas

Uma espécie de croissant que pode ser encontrado em qualquer cafeteria de Buenos Aires, as medialunas são uma grande preferência entre os brasileiros. Afinal, servidas sempre no café da manhã, elas também transmitem um ar de saudade e gostinho de “quero mais” durante os dias de viagem. Para quem ainda não conhece, vale a pena experimentar uma tradicional nos cafés do centro da cidade. Se estiver na região de Palermo, não deixe de passar na Confitería Santa Paula, no Palermo Chico. As medialunas têm um sabor único e estão sempre frescas, além do lugar ter uma tradição de mais de 60 anos no mesmo espaço.

Medialunas Foto destemperados

Medialunas. Foto: destemperados.com.br

Empanadas

Um verdadeiro cartão-postal da cidade, as famosas empanadas argentinas são perfeitas para matar a fome ou para um lanche entre os passeios. O sabor é inconfundível e quem volta para o Brasil geralmente morre de saudades e procura aquele gostinho em diversos lugares por aqui. Em Buenos Aires, os sabores são variados e a satisfação é garantida. As casas que preparam as empanadas também possuem uma longa tradição, com receitas especiais e ingredientes diferentes. A dica é ir ao restaurante El Sanjuanino, na Recoleta. O espaço tradicional é perfeito para tomar uma cerveja e passar um bom tempo ao estilo portenho.

Bife de Chorizo

A carne é a marca registrada dos argentinos. Os cortes mais selecionados e um estilo único de preparo estão na receita, que se destacam pelo sabor autêntico e deixam qualquer amante de boas carnes com vontade de provar. A carne é servida em um ponto mal-passado, por isso acostume-se com a textura mais macia e suculenta. Geralmente acompanhados de “papas fritas”, ou batatas fritas no bom português, os bifes de chorizo são uma pedida mais do que indicada. O título de melhor bife é disputado, já que são inúmeros restaurantes que oferecem o prato. O destaque fica com o Don Ernesto e o La Cabrera, muito disputado e queridinho dos turistas.

Bife de Chorizo

Churros

Outra delícia de origem argentina são os churros, uma grande paixão nacional. No Brasil, são vendidos em diversos locais, mas em Buenos Aires a fabricação é levada a sério. O doce é uma sobremesa de respeito e verdadeiramente “gourmet”. O sabor é único e com certeza não será uma decepção para os brasileiros que já provaram os churros brasileiros. A recomendação fica por conta da ambientação, que inclui cafés tradicionais como a Confiteria Ideal ou o Café Tortoni, que possuem uma arquitetura e decoração impressionantes e são excelentes opções para dar aquela paradinha.

Doce de leite

Como falar da Argentina sem lembrar de um dos produtos de maior orgulho nacional? O doce de leite é praticamente o leite condensado no Brasil, sendo que ele é usado no preparo do doce mais famoso do país: o alfajor. O doce tradicional possui um sabor incrível e com certeza vai acabar sendo levado para casa. Não prová-lo durante a viagem é como não ter ido ao país. Em todos os cantinhos é possível provar um doce de leite de boa qualidade, mas o destaque fica por conta do Café La Salamandra, pertencente à famosa fabricante de doce de leite, localizada em Palermo. Outra dica são os gelattos, ou sorvetes, que possuem sabor do doce e são um paraíso à parte.

O Primeiro Shopping de Containers da Zona Sul Carioca

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *