Cultura & Entretenimento

Arte clássica na Cidade Maravilhosa

O Rio de Janeiro proporciona muito mais que suas lindas e famosas praias, uma opção na Cidade Maravilhosa é conhecer o “Acervo da Fundação Eva Klabin”, uma das mais importantes coleções de arte clássica dos museus brasileiros, com mais de duas mil peças procedentes de quatro continentes – Europa, Ásia, África e América. Cobre quase 50 séculos e está em exposição permanente, abrangendo pinturas, esculturas, mobiliário, tapetes, prataria e objetos de arte decorativa.

A reunião dessas peças foi fruto do ideal de vida da colecionadora, as obras foram adquiridas em Roma, Paris, Londres, Zurique, Viena, Madri, Barcelona, Bruxelas, México, Nova York, Buenos Aires, Tóquio e Hong Kong. A coleção de pintura é uma das mais conceituadas e raras do país. Eva dedicou-se com afinco à procura das peças que viriam completar a coleção, quando reuniu, então, o núcleo dos objetos de uma amplitude e variedade que possibilitam diferentes formas de classificação, mas didaticamente optou por: Coleção Egípcia; Greco-Romana; Italiana; Francesa; Inglesa; Flamenga e Holandesa; Oriental; Pré – Colombiana e de Artes Aplicadas. Em todas elas há peças representando várias épocas, dinastias e períodos, como também tipos de expressões artísticas distintas que as compõem. Destaque para a maior coleção de Tânagas do Brasil (24 esculturas humanas de terracota), da Coleção Greco- Romana.

Fundação Eva Klabin - Sala Renascença

Fundação Eva Klabin – Sala Renascença

Para o filósofo e sociólogo alemão Theodor Adorno a arte é a forma de conhecer, onde as regras e sistemas da razão científica não possuem autoridade. É nela que a razão reconhece sua incapacidade e percebe não possuir status mítico, que não é uma divindade, que não tem poder de vida e de morte.

Acervo da FEK
Fundação Eva Klabin – www.evaklabin.org.br
Av. Epitácio Pessoa, 2480 –  Lagoa – Rio de Janeiro
Informações: (21) 3202-8550

Por Anderson Zenidarci – psicólogo, supervisor, palestrante, pesquisador, professor universitário de graduação e pós graduação. Um viajante incontrolável e amante de arte que dedica-se em disseminar história e cultura em sua coluna Panorama Cultural publicada mensalmente na revista Psique Ciência & Vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *