Gastronomia etc.

Supperclub parisiense recebe turistas brasileiros para jantares exclusivos

O casal de chefs Celia Miranda Mattos e Gustavo Dalla Colletta Mattos uniu suas colheres há 12 anos e, há seis, emprestam o simpático sotaque brasileiro à gastronomia francesa. Ela, professora de inglês, e ele, publicitário, se formaram na conceituada escola Cordon Bleu e, hoje, fazem de seu aconchegante apartamento no chic 15ème arrondissement, em Paris, um ponto de encontro da boa mesa. Com vista eterna para a Torre Eiffel, o restaurante, sem nenhuma cara de restaurante, foi concebido para ser uma extensão da casa de seus frequentadores. Conceito explícito até no nome: Chez Nous Chez Vous.

Chez Nous Chez Vous (3)

Depois de passarem por renomados restaurantes da capital francesa – Gustavo trabalhou no Maison Blanche e Celinha, no Apicius, de Jean-Pierre Vigato e Luc Besson -, resolveram partir para voo solo. Na rue Saint-Charles, o casal recebe dez pessoas, no máximo, por jantar. Com hora marcada, os interessados pagam entre 120 e 150 euros, podendo levar a própria bebida, além de terem a chance de participar do preparo do cardápio. Até um passeio pela feira para escolha dos ingredientes é uma opção para quem prefere acompanhar de perto todas as etapas. “Temos na rua de casa uma quitanda, três açougues, sendo que um deles é especializado em aves e caça. Ainda há padarias, lojas de chocolate, floricultura, especialistas em queijos e vinhos, supermercados e uma feira incrível, que acontece todas as terças e sextas. Em um passeio por ali, não se tem dúvida de que se está mesmo em Paris. Ainda mais quando olhamos da janela e contemplamos a maravilhosa Torre Eiffel, sempre nos espionando”, lembra a chef.

O ambiente interno dá o tempero. O décor é assinado pela arquiteta Márcia Jardim, que também realizou a cozinha dos sonhos da dupla, idealizada pelo amigo e construtor Alfredo Brandi. Móveis de Philippe Starck, uma seleção especial de DVDs e uma biblioteca criam o clima doce lar. “O Alfredo nos inspirou a fazer uma cozinha aberta para a sala. Sempre que ele nos visitava com sua família no antigo apartamento, ficávamos separados, pois a cozinha era minúscula e não era integrada. Ele nos fez um desenho, e adoramos. Passamos a obra para Márcia Jardim, que nos ajudou plenamente e, seis meses depois, estava pronta a cozinha com que tanto sonhávamos. Gastamos muito, e nada mais justo do que querer ganhar dinheiro com ela. Foi daí que nasceu o projeto Chez Nous Chez Vous”, explica Gustavo.

Chez Nous Chez Vous: 116 Bis, Rue Saint Charles, 75015 – Paris, França
Tél: +33 (0) 1 45 30 58 92
Mob:+33 (0) 6 70 78 57 45

Funcionamento: Mediante reserva, de no mínimo duas e no máximo dez pessoas por vez, feita com sete dias de antecedência e 50% do valor total pago. Não é aceito cheques nem cartões de crédito, apenas dinheiro.
Preços (valores individuais com direito a água, refrigerantes, café e chás):
Menu tradicional (entrada, prato e sobremesa): 120 Euros.
Menu degustação (cinco pratos salgados e duas sobremesas): 150 Euros.
Bebidas alcoólicas não estão incluídas.
Rolha: 50 euros

Um dos lugares mais concorridos para passar as festas de final de ano é Paris. Além do romantismo que envolve a Cidade Luz, passar o Reveillón em um lugar frio e com neve é ainda mais emocionante.  A decoração natalina encanta a todos, em especial nas galerias Lafayette e Printemps. Também é tempo de conhecer os famosos mercados de Natal na Champs-Élysées, de Saint-Germain-des-Prés e de Montmartre.

Além de visitar os pontos turísticos, para conhecer bem Paris é necessário provar a gastronomia local, e o restaurante Chez Nous Chez Vous sabe bem o que é isso.

Chez Nous Chez Vous (1)

Os chefs são colunistas na Revista eletrônica Gastronomia etc. Leia a revista em: revista.gastronomiaetc.com. Ou se preferir baixe em: bit.ly/BaixarRevista. Para melhor leitura no PDF, clique com o lado direito sobre a revista, depois, na parte de baixo, clique em DUAS PÁGINAS e depois em FOLHA DE ROSTO.

O Primeiro Shopping de Containers da Zona Sul Carioca

2 Comentários

  1. 13 de novembro de 2015 ás 03:13 Responder
    Margarete Barboza

    Orgulho define o sentimento em relação ao reconhecimento do trabalho e da importância dos queridos Celinha e Gustavo!!
    Brasileiros representando!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *