Hospedagem

Gran Meliá Nacional Rio: um resort urbano repleto de glamour e bossa

Construído entre 1968 e 1972, a praia de São Conrado viu surgir uma suntuosa torre de concreto e vidro em meio a sua paisagem. O projeto de Oscar Niemeyer trouxe não só ares modernistas para a Cidade Maravilhosa como muito glamour e badalação nas décadas de 70 e 80. Sua localização privilegiada entre a montanha e o mar em um projeto de planta circular, renderam ao Hotel Nacional a fama de “queridinho” das personalidades internacionais, que ná época, tinham a cruel dúvida entre escolher se hospedar ali, naquele prédio modernista e cheio de detalhes futuristas ou no tradicional e também badalado Copacabana Palace.

Inaugurado em 1972, o cinco estrelas era o rival número um do Copacabana Palace, que na época era o hotel na cidade que recebia  de fato famosos e promovia festas de arromba, daquelas que só de imaginar, os cabelos arrepiam. Naquele tempo não havia muita opção de altíssimo luxo na hotelaria carioca e, de certa forma, era divertido ver a concorrência entre os badalados hotéis para conquistar seus hóspedes “celebrities”.

Infelizmente, o Hotel Nacional não teve a mesma sorte do seu rival, que no período de decadência, foi absorvido por um grupo forte e estruturado que deu novo fôlego para a transição até os dias atuais. O Hotel Nacional entrou em decadência total e ficou abandonado por mais de vinte anos.


Publicidade Ⓘ

Seguro viagem com até 15% de desconto!!! Se está planejando uma viagem não esqueça de contratar um seguro!💡 Clique neste link para encontrar os melhores preços. 💡 ✔ Use o cupom EMBARQUEVIAGEM10 e ganhe 10% de desconto, e para chegar a 15%, faça o pagamento por BOLETO e garanta mais 5%.


Felizmente o tempo trouxe boas notícias e, para nós cariocas, que sempre que passávamos por aquela estrutura menosprezada e  lamentávamos por tamanho abandono, vimos renascer um hotel de alma jovem, contemporânea e elegante em um “corpo” experiente, maduro, que já conhece bem a nossa cidade e tem muita história pra contar.

Gran Meliá Nacional Rio é o novo nome deste hotel que está surfando com toda tranquilidade no mar carioca. Retornando ao cenário com um conceito de resort urbano, sob a marca de luxo do grupo espanhol Meliá Hotels Internacional, o hotel tem tudo para trazer de volta todo o glamour dos áureos tempos, mas com uma pegada leve e descontraída. Desde sua reinauguração, o  hotel vem conquistando hóspedes em busca de um lugar que traduza bem o lifestyle carioca e a cada dia mais curiosos e apaixonados por arquitetura encontram nele a sua morada elegante e descolada na Cidade Maravilhosa.

A restauração minuciosa preservou obras e a história do edifício. Ao entrar no hotel você respira Niemeyer. Deparar-se com seus Imensos vãos livres sem colunas e curvas do concreto por todos os lados não negam a origem belíssimamente preservada. Vale ressaltar que o retrofit da fachada do prédio, em formato cilíndrico, foi feito com precisão cirúrgica, para preservar as características originais do imóvel, que é tombado.

Na imensa e suntuosa área do  lobby, que Niemeyer projetou para ser possível observar o mar de qualquer ponto de seus quase 3.000m2, as gigantescas placas de concreto do artista argentino de alma baiana Carybé, que esculpiu belíssimos mosaicos com traços delicados que contam histórias da Bahia, seu grande amor, estão presenteando com muita arte os hóspedes que não se cansam de percorrer o espaço. Sim, o lugar é perfeito para fotos, confesso. afinal, não é a todo momento que nos deparamos com uma obra de arte de 45 metros formada por 270 placas de concreto tão delicadamente esculpidas.

A área do lobby é sim muito linda, mas sair para a área externa e se deparar com a Sereia, de Alfredo Ceschiatti, que fica na piscina, sensualizando de cara para o mar é sem dúvida alguma uma das grandes emoções que tive nesta minha experiência. É incrível a sensação de dar de cara com obras de arte a todo momento e poder ver de pertinho a linda imagem de ferro por outro ângulo, afinal, sempre a via pelo lado de fora, sozinha, abandonada.

Ainda na área externa, ao subir a escada chegamos ao jardim projetado pelo paisagista e artista plástico Roberto Burle Marx, que bebeu da mesma fonte modernista de Niemeyer e, deixou um espaço incrível no DNA do Nacional. Caminhar pelas curvas do jardim e observar o espelho d´água que reflete toda suntuosidade da torre de Niemeyer é um convite a passar horas por ali admirando a paisagem do entorno e da orla. Estrategicamente, camas balinesas foram montadas ao longo do caminho, para que você possa relaxar com vista para a pedra da Gávea e praia de São Conrado, perfeito para um fim de tarde.

A antiga boate Mikonos que ocupa a área subterrânea do hotel dará lugar a uma adega com capacidade para mil garrafas de vinhos. Já o antigo anfiteatro, que recebeu shows internacionais de nomes como B.B. King, James Brown, Lisa MInneli e Charles Aznavour, dará lugar a um centro de convenções com previsão de voltar a funcionar ainda em 2018.

O Gran Meliá Nacional Rio trouxe para a cidade a única unidade do país do Spa by Clarins com 4 salas de tratamento, sauna seca e a vapor, uma reconfortante área de relaxamento com jardim vertical, além da inspiradora vista para os jardins de Burle Marx e para o mar.

Acomodações

Com decoração clean, os 413 quartos e suítes, distribuídos em 33 andares, com vista para a cidade, a montanha ou o mar são amplos e equipados com todas as comodidades de um hotel de luxo. Por não haver parede para a área externa e sim painéis de vidro do chão ao teto, a iluminação da área interna é privilegiada e claro, a vista, especialmente as que ficam de frente para as montanhas e para o mar, são de tirar o fôlego.

Estive hospedada em dois momentos diferentes e conheci duas categorias distintas de quartos. Na primeira ocasião, fiquei acomodada em um quarto deluxe cama casal, no 21º andar com vista para o mar, o jardim e para a montanha. Perfeita para quem está sozinho ou em casal.

Já na segunda vez que estive hospedada, fiquei com minha família em uma junior suite com vista para o mar. Essa acomodação me surpreendeu pelo tamanho e disposição dos móveis. Daria para fazer uma bela festa naquele espaço com todo conforto. Com 2 ambientes separados por uma porta de correr, equipada com sala de estar e sofá cama, a suíte junior ainda possui uma estação de trabalho, mesa com 4 cadeiras e Wi-fi cortesia, garantindo completa funcionalidade. Nos 66m² com ar-condicionado com controle individual, iluminação de LED regulável, 2 smart TV, amenities Clarins, cafeteira Nespresso, duplo rainshower a minha família ficou muito bem acomodada nos dias que ficamos por lá.

O hotel possui também o RedLevel, que se trata de um conceito diferenciado de acomodação dentro do hotel. Com guest relations, recepção exclusiva, área para café da manhã e lounge com open bar e aperitivos, os hóspedes que estiverem acomodados em um dos 108 apartamentos que ficam entre o 22º e 27º andares, terão serviços diferenciados.

Restaurantes

A Sereia

Ao lado do suntuoso lobby fica o restaurante A Sereia, que levou esse nome em homenagem a bela escultura de Ceschiatti. O cardápio é um misto entre cozinha brasileira e mediterrânea. Em minha primeira vez no hotel ainda era servido um maravilhoso brunch aos domingos, um dos mais saborosos da cidade. Ao retornar no Natal fiquei sabendo que o brunch não acontece mais aos domingos, infelizmente. Torço para que volte.

Aos sábados é servida uma feijoada bem saborosa e caprichada nas guloseimas brazucas. O torresminho e as carnes da feijoada se destacam entre tantas delícias. Para acompanhar, uma bela taça de espumante ou caipirinha são oferecidas como cortesia, você escolhe. Agora, feliz mesmo fica o time das formiguinhas de plantão: a mesa de sobremesas é daquelas de voltar várias vezes. Sabiamente as porções dos doces são reduzidas e isso permite que possamos experimentar de tudo um pouco. E eu experimentei quase tudo. Acho que só pulei mesmo as frutas…

Bardot Pool Bar

Na minha segunda vez no hotel tive a oportunidade de conhecer melhor o Bardot Pool Bar e troquei de boa o almoço tradicional por sanduíches na beira da piscina. Afinal, estava um dia de sol incrível e nem pensava em sair daquela piscina maravilhosa, além de estar com um adolescente, que é a desculpa perfeita para enfiar o pé na jaca nas guloseimas.

Mas não pense que só existem sanduíches no cardápio, ok. Essas foram as nossas escolhas, mas o ceviche quase foi uma das escolhas. Na próxima vez, quem sabe.

A carta de drinks também é variada e combinada com a atmosfera descolada do ambiente, que é embalado com uma seleção musical com base na MPB e Bossa Nova, aquela playlist de ficar cantarolando sem perceber.

Amaro Bar & Louge

O Amaro fica no coração do hotel, na área do lobby, bem pertinho das magníficas placas do painel de Carybé. Por lá você poderá bebericar um café e comer uns docinhos durante o dia, ou, durante a noite se render às tapas acompanhadas de drinks mais elaborados, sempre na companhia de uma bela seleção musical.

Depois destas experiências no Gran Meliá Nacional Rio, só posso reforçar que se hospedar em uma verdadeira obra de arte é mais que necessário para quem chega ao Rio de Janeiro buscando uma experiência diferenciada. Já estou ansiosa para meu retorno ao hotel.

Fotos: Naira Amorelli


PLANEJE A SUA VIAGEM COMPLETA AQUI


♦ HOSPEDAGEM: Booking | Hotel Urbano | Airbnb - Ganhe R$130

♦ SEGUROS DE VIAGEM: Seguros Promo  | Sulamérica Seguros

♦ CHIP INTERNACIONAL: My Simtravel

♦ ALUGUEL DE CARRO: Rentcars

  ♦ TICKETS DE TREM: Rail Europe

TOURS E EXCURSÕES: Ticketbar

♦ PASSAGEM AÉREA: Passagens Promo

♦ CARTÃO DE CRÉDITO INTERNACIONAL: ZenCard (pré-pago)

INGRESSOS PARA MUSICAIS, TRANSFERS E TOURS GUIADOS: Weplann

♦ INGRESSOS INTERNACIONAIS PARA ESPORTES E SHOWSSports Events 365

PARQUESUniversal Studios Florida | Universal's Islands of Adventure | Universal’s Volcano Bay


1 Comentário

  1. 15 de março de 2018 ás 17:05 Responder
    Raul

    O hotel Gran Melia Nacional Rio fechou permanentemente na semana seguinte da publicação dessa matéria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *