Esporte & Aventura

Estádio Luzhniki: a sede da final da Copa do Mundo da Rússia

O primeiro e o último jogo da Copa do Mundo foram programados para este estádio icônico, na primeira Copa do Mundo realizada em solo russo, representando um recomeço na história do esporte desse país.

Quando foi anunciado que o Estádio Luzhniki se tornaria um dos lugares a sediar a Copa do Mundo da Rússia de 2018, o local ficou fechado por vários anos para grandes obras de reconstrução, sendo a mudança mais notável o aumento no número de assentos de atendimento de 78,000 para 81,000 espectadores.

Final da Copa

Fonte: 2018 FIFA World Cup – Russia via Facebook

Antes da Copa do Mundo apenas dois jogos foram disputados neste estádio desde que foi reinaugurado, com a seleção russa enfrentando a Argentina e depois o Brasil – dois países com sete títulos da Copa do Mundo. Sendo um esforço que se assemelha à batalha de Davi contra Golias para o 70º classificado no futebol mundial (ranking da Fifa em 29/06/2018), a seleção russa perdeu os dois jogos, 0 X 1 contra a Argentina com um gol de Kun Aguero, e 0 X 3 contra o Brasil, com gols de Miranda, Philippe Coutinho e Paulinho, em um jogo que a Globo Esporte denotou como a primeira vitória de Tite sobre um rival europeu.

Com a luz do verão, o estádio Luzhniki fica magnífico sob o raro sol de Moscou, lembrando o Coliseu Romano. Já que para a atual Copa do Mundo, segundo o site Noticias Futebol, o Brasil é o grande favorito das casas de apostas para vencer o torneio, alcançar o sonho do hexa campeonato no estadio Luzhniki seria ainda mais belo.

Para a Copa do Mundo, o estádio Luzhniki foi programado para sediar 7 partidas, sendo a final do torneio no dia 15 de julho –  o jogo em que toda seleção quer participar. Vinte e dois jogadores percorrerão o túnel no estádio Luzhniki para a partida final, onde os campeões mundiais serão coroados, sendo o Brasil um dos grandes favoritos e a Rússia a equipe com o maior apoio.

Final da Copa

Fonte: FIFA World Cup Russia 2018 via Facebook

Estádio Luzhniki fora da Copa do Mundo

Este emblemático estádio e seu complexo são de propriedade do governo de Moscou, e não há clubes baseados neste local, apesar de que antes da sua reconstrução serviu de base para equipes como o CSKA Moscou, o Spartak Moscou e o Torpedo Moscou.

Localizado na capital russa, o Luzhniki Stadium é um dos maiores e mais históricos estádios da Europa. Sua cerimônia de inauguração ocorreu em 1956, durante a era soviética do país, depois de ter um tempo recorde de construção, que levou apenas 450 dias. Esta histórica instalação também serviu como local central para os Jogos Olímpicos de verão em 1980, sediando também as cerimônias de abertura e encerramento, bem como uma série de eventos desportivos, incluindo a final da UEFA Champions League em 2008, que a ESPN classificou como o final da era do Manchester United no futebol europeu, além do Campeonato Mundial de Atletismo da IAAF em 2013, onde o Brasil ficou em 19º lugar, com 20 pontos.

Além disso, o estádio já recebeu shows de alguns dos maiores artistas do mundo, incluindo The Rolling Stones, Michael Jackson, U2 e os Red Hot Chili Peppers.

O Primeiro Shopping de Containers da Zona Sul Carioca

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *