Dicas & Destinos

Passo a passo: como tirar o visto de estudante para a Austrália

Austrália: para ajudar aqueles que visam estudar na terra dos cangurus, preparamos um passo a passo de como tirar o visto do país.

Austrália

Economia confiável, educação de alto nível, qualidade de vida e políticas inclusivas para imigrantes são alguns dos motivos que colocam a Austrália como um dos principais destinos de intercâmbio para quem vive no Brasil. Apesar de haver uma longa distância entre os dois países, os brasileiros são a quinta nacionalidade estrangeira quando se fala de estudantes no país, atrás apenas de China, Índia, Nepal e Malásia – quatro países asiáticos.

O calendário dividido em semestres, organizado de janeiro a dezembro, e as belas praias são alguns dos fatores que colocam a Austrália como um dos dez destinos mais procurados pelos brasileiros.

Austrália

Para quem busca um curso de até 12 semanas, é possível aplicar para um visto de turista que pode ser feito pela internet e permite o máximo de três meses de permanência ao aplicante. Porém, para mais tempo, é necessário um visto específico de estudante, processo estimado a levar 40 dias.

Confira abaixo um passo a passo de como tirar o visto do país.

Passo 1 — Aplicar para uma instituição de ensino

Encontre uma instituição de seu interesse e aplique para ela. Após receber uma carta de oferta da escola, pague a despesa da inscrição, e a instituição deve enviar a confirmação da matrícula – CoE é sigla do documento na língua inglesa. Tal certificado é essencial para o início do processo. A instituição pode solicitar algum documento da polícia do seu país de origem e também um teste de inglês, dependendo da proficiência exigida pelo curso.

Passo 2 — Inscrição no site do governo australiano

Antes de solicitar o visto, é necessário se inscrever no portal online de imigração do governo australiano.

Passo 3 — Documentação em formato digital

A documentação muitas vezes varia dependendo do local, do instituto, da cidade ou de outras possíveis variações do programa escolhido. Entre os documentos estão o CoE, um seguro de saúde (OSHC é a sigla em inglês), passaporte válido na época da estadia pretendida, além de uma carta de intenção justificando quanto tempo o aplicante deseja residir no país, que pode estar anexada a uma carta da faculdade de seu país de origem ou documentos do gênero.

Dependendo do curso, também pode ser solicitado o certificado de nascimento, extrato bancário que prove a capacidade do candidato de pagar os estudos, resultados de testes de inglês ou comprovantes de aptidão para o estudo que se deseja, certificados de empregos anteriores, certificado de antecedentes criminais, entre outros documentos específicos de cada programa.

Passo 4 — Aplicar para o visto

Entre no site do governo e aplique para o visto do país. Será solicitado o código do CoE, a nacionalidade do aplicante, o tipo de educação a que se pede o visto e informações pessoais, como família, educação e mais.

Passo 5 — Pagar o visto

Após aceitar a solicitação do visto, o aplicante deve pagar a taxa de 550 dólares australianos, o que pode ser feito pela internet. Após o pagamento, o candidato recebe um número para acompanhar o status do seu visto.

Passo 6 — Entrevista e consulta médica

Dependendo de cada caso, o solicitante pode ser chamado para realizar uma entrevista e uma consulta médica, com profissionais certificados pelo governo australiano. Para checar, clique aqui.

Após todas essas etapas, só resta aguardar o visto e boa viagem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *