Variedades & Tecnologia

Airbnb paga 900 euros por mês pra você curtir o verão na Itália

Airbnb oferece experiência de três meses em vila italiana. Iniciativa procura revitalizar o histórico povoado de Grottole, que corre o risco de desaparecer. As despesas dos selecionados serão pagas.

Airbnb

Grottole, Itália. Foto cedida pelo Airbnb

Se o verão é a sua estação do ano preferida e ainda não tem planos para o deste ano na Europa, temos boas notícias para você.  O Airbnb e a Wonder Grottole, uma Organização Não Governamental italiana, estão oferecendo uma experiência de três meses na pequena vila de Grottole, em Matera, província localizada no sudeste da Itália. O objetivo desse projeto é revitalizar o histórico local, povoado desde o período paleolítico, que hoje conta com apenas 300 habitantes e 600 casas vazias – o lugar corre o risco de desaparecer.

Desconto Airbnb: Ganhe até R$179 em créditos para usar na plataforma

Quatro sortudos terão a oportunidade de embarcar nessa aventura e conhecer esse local recheado de castelos históricos, vales de sonho – daqueles que só costuma ver nos filmes -, olivais e vinhas onde os habitantes produzem o seu próprio vinho. A única coisa que terá de dar em troca de toda esta experiência é servir de anfitrião aos turistas, uma tarefa para a qual terá formação durante o primeiro mês em Grottole.

Airbnb

Andrea Paoletti, um dos fundadores do Wonder Grottole. Foto cedida pelo Airbnb

As Quatro pessoas selecionadas terão a possibilidade de aprender italiano com aulas dadas por nativos, conhecer mais os costumes da comunidade, colher mel e produzir azeite e massas. Depois, o quarteto trabalhará como guia para visitantes, ensinando a eles as habilidades aprendidas. Todo o lucro desse procedimento será reinvestido no vilarejo. E o melhor de tudo é que você nem sequer tem de se preocupar em juntar dinheiro. A Airbnb irá pagar 900 euros por mês para os gastos adicionais.

O período sabático é de três meses, de junho a agosto de 2019.

O que tem de fazer para participar no sorteio? É simples. Basta ir ao site ‘The Italian Sabbaticalitaliansabbatical.com’ e preencher o formulário antes do dia 17 de fevereiro. Entre outras coisas, terá de explicar, em até 300 palavras, as razões de estar interessado em passar o verão nesta aldeia italiana. Caso seja um dos selecionados, irá participar de uma rodada de entrevistas por videoconferência. Só depois disso saberá se está entre os finalistas. Os vencedores serão anunciados no dia 29 de março.


Publicidade Ⓘ

Seguro viagem com até 15% de desconto!!! Se está planejando uma viagem não esqueça de contratar um seguro!? Clique neste link para encontrar os melhores preços.  ✔ Use o cupom EMBARQUEVIAGEM10 e ganhe 10% de desconto, e para chegar a 15%, faça o pagamento por BOLETO e garanta mais 5%.


As inscrições já estão abertas, mas somente para maiores de 18 anos residentes nos seguintes países: Estados Unidos, México, Argentina (com exceção da província de Mendoza), Itália, Reino Unido, Irlanda, Alemanha, França, Espanha, Portugal, Holanda, Austrália, Canadá (exceto Quebec), Índia e Japão.

RESOLVA TUDO PARA A SUA VIAGEM AQUI


 

11 Comentários

  1. 23 de abril de 2019 ás 10:10 Responder
    leopoldo

    quero ir

  2. 21 de janeiro de 2019 ás 11:07 Responder
    Luciara

    Eu acho que deveriam nos dar uma oportunidade ,o nosso povo é rico em diversidade ccultural e geral e não é radical ,acho que me adaptaria bem gosto de massas tenho vontade de aprender a fazer pães e pizzas .Gosto de aprender.Nosso povo é hospitaleiro e recebe bem os outros porque bloquearam nossa participação.EU QUERO IRRRRR.

  3. 21 de janeiro de 2019 ás 11:04 Responder
    LUCIARA SILVA DE FREITAS

    E porque não abrem essa oportunidade aos brasileiros afinal nosso povo esta mais acostumado com tudo e é bem misto na sua cultura e diversidade em Mgeral acho que seria uma boa dar essa chance para nós, sem contar que nós somos um povo que aceita e trata bem a todos os povos em nosso país não entendo o porque da discriminação .EU QUERO IRRRRR. KKKK

  4. 21 de janeiro de 2019 ás 09:02 Responder
    Maria Reis

    Ué, os que moram no Brasil não podem participar??

  5. 21 de janeiro de 2019 ás 05:39 Responder
    Jose do carmo

    Estou interessado. Tenho experiência em sistemas se refrigeração. Aquecimento. Construção civil. Tenho muito mais a contribuir com os meus conhecimentos adquirido com o tempo de vida. Tenho firmação em administração de empresa e marketing certo de que serei útil neste lugarejo. Podendo área então projetos de economia energética agricultura. Certo de serei um escolhido pela minha vasta experiência em recursos humanos. Teatro. Habilidades diversas. Elétrica. Mecânica. Solda. Hidráulica. Tenho eoeriencia comprovada. Há trabalhei na Fiat Automóvel no Brasil com os itelianis sei como comandar equipes. E supervisão. Conduzir e selecionar mão de obra. Agradecimentos desde já a quem interessar né indicar. Thank you very mach .

    • 21 de janeiro de 2019 ás 08:40
      Talita

      José, não sei em qual país você reside, mas no final da matéria diz que o Brasil não está incluso na lista de países aceitos.

  6. 21 de janeiro de 2019 ás 03:10 Responder
    Joao

    Quando ódio nesses corações.

  7. 20 de janeiro de 2019 ás 19:31 Responder
    Ira

    Só louco para aceitar esse presente de grego, moro na Itália e essas cidadezinhas são lindas mas não dura uma semana e tudo se torna tédio.Eu não arriscaria, e longe de tudo, isolado e nem os italianos querem viver ali.

    • 21 de janeiro de 2019 ás 07:31
      Mauro

      Kkkkk eu sinto uma conexão da realidade com essa resposta

    • 21 de janeiro de 2019 ás 07:54
      Nunes

      É sério ?
      Os próprios italianos não gostam do lugar ?

    • 21 de janeiro de 2019 ás 12:01
      Vidoi

      Se a distância de 1:20hrs de Bari ou de Taranto não te assustam tanto, isso poderia não ser um grande problema. No Brasil há cidades realmente isoladas e com a população em maior número que essa da Itália. Pena não abrir pro Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *