Dicas & Destinos

Campos de Jordão: A doce combinação entre a excelência de hospedagem e a ode à boa mesa

A primeira escala aqui no Embarque na Viagem decola para Campos de Jordão – sinônimo de clima gostoso, romance, hospedagem agradável e boa comida. Esse cenário, no coração da Serra da Mantiqueira, é perfeito para um embarque a dois e programas apaixonantes.

Atravessar aquele portal da cidade em estilo alpino já seduz com a arquitetura peculiar. A cidade tem influências arquitetônicas diversas, com construções que remetem a verdadeiros contos de fadas, como os chalés suíços, construções de hotéis no estilo Normando, e castelos de Capivari. As fachadas pitorescas são lugar-comum para os cartões-postais com fotos dos casais.

O interessante é que uma viagem a Campos de Jordão pode ser moldada a gosto do freguês. Os programas são bem ecléticos, agradando aos casais fitness que gostam das intermináveis trilhas como a Pedra do Baú, aos incansáveis pelas belezas naturais do Horto Florestal, aos amantes da boa mesa com a vasta Gastronomia, aos interessados em programas culturais como o Palácio Boa Vista, e muitas outras facetas.

Palácio Boa Vista, ponto turístico aberto ao público e residência oficial de inverno do governo paulista. Foto Kaki Melo   

Palácio Boa Vista, ponto turístico aberto ao público e residência oficial de inverno do governo paulista. Foto Kaki Melo

Um dos pontos turísticos imperdíveis que traz um banho de cultura, é o Palácio Boa Vista com mais de cem cômodos, residência oficial de inverno do governo paulista. É um museu aberto à visitação pública, onde podem ser apreciadas obras que são verdadeiras relíquias, como Tarsila do Amaral, Di Cavalcanti, Anita Malfati e Portinari. Dentre as peças que mais chamam a atenção, a dupla de ânforas que pertenceram à Maria Antonieta no Palácio de Versalhes, lamparinas trazidas da Holanda, e o vasto mobiliário português.

Outro programa cultural que não pode ficar de fora da lista, é o Museu Felicia Lerner. Reserve algumas horas pra percorrer um complexo composto de artes visuais com esculturas expostas pelos gramados cheio de pinhas no chão, vegetação típica que é patrimônio ambiental significativo, o auditório Cláudio Santoro onde são realizadas apresentações importantes, e outros espaços diversos com eventos temporários e permanentes.


Publicidade Ⓘ

Seguro viagem com até 15% de desconto!!! Se está planejando uma viagem não esqueça de contratar um seguro!? Clique neste link para encontrar os melhores preços.  ✔ Use o cupom EMBARQUEVIAGEM10 e ganhe 10% de desconto, e para chegar a 15%, faça o pagamento por BOLETO e garanta mais 5%.


Ainda na seara dos programas obrigatórios, estão a subida ao teleférico que dá direito à vista incrível no mirante, o museu dos elefantes, e o Horto Florestal. A visita guiada no trenzinho, aparentemente um programa infantil, esconde um guia que mostra um conteúdo pedagógico impressionante, com um misto de história das araucárias, o período do defeso das pinhas, o comportamento da fauna local, belezas naturais e trilhas.

 Visita guiada no trem do Horto Florestal | Esculturas do museu a céu aberto Felicia Leirner. Fotos: Kaki Melo

Visita guiada no trem do Horto Florestal | Esculturas do museu a céu aberto Felicia Leirner. Fotos: Kaki Melo

A cidade conta com quartos para todos os bolsos, bastando escolher o custo x benefício, e a localidade que mais lhes apetece. Vale lembrar que no inverno, as tarifas são bem mais caras. Os destinos para estadias mais tradicionais são o centrinho, além dos bairros mais famosos como Capivari, Jaguaribe e Abernéssia. As opções são infinitas, como pousadas, Bed & breakfast, hotéis temáticos, resorts até as oportunidades modernas de acomodação, como sites que oferecem marketplaces online. Nesta modalidade, uma febre no mundo inteiro, o anfitrião proprietário de uma residência que deseja uma renda extra, apresenta sua morada como opção interessante para a viagem.

Arquivo pessoal, Campos de Jordão, 2016. Foto Kaki Melo.

Arquivo pessoal, Campos de Jordão, 2016. Foto Kaki Melo.

A escolha para essa viagem a dois foi o Home Green Home, um verdadeiro castelo encrustado no vale do Alto Capivari, nas montanhas. O impacto já foi grande desde a subida pela montanha, quando vislumbramos e sorrimos para o que seria a nossa casa pelos próximos dias. Tudo lá é grandioso, em dimensões proporcionais à beleza. O quarto foi um capítulo à parte, na verdade um apartamento tipo penthouse de dois andares. No andar de baixo, uma saleta super confortável com lareira, cozinha americana, e varanda com vista panorâmica para o infinito verde dos pinheiros e araucárias. Subindo as escadas, o segundo andar guardava ainda a surpresa de uma outra varanda, quarto com decoração elegante, lençóis térmicos com regulagem de temperatura, e toilette moderno. O lazer do Hotel possui diversas opções, como as piscinas aquecidas e cobertas por paredes de vidro – que confesso terem nos hipnotizado por muitas horas – saunas, sala de jogos, sala de leitura, lareira com vista 180 graus para o vale, parque infantil, quadra poliesportiva, quadra de tênis e fitness club.

Hotel Home Green Home ao fundo, Alto Capivari. | Piscina aquecida com vista panorâmica e claraboia 360 graus, Hotel Home Green Home. Fotos: M.Vargas.

Hotel Home Green Home ao fundo, Alto Capivari. | Piscina aquecida com vista panorâmica e claraboia 360 graus, Hotel Home Green Home. Fotos: M.Vargas.

Ao experimentarmos a Gastronomia de outros hotéis também, durante a estadia na cidade, pudemos visitar o interior de outras opções e desfrutar de algumas comodidades. Visitar outros hotéis é sempre uma delícia ao viajar, pois além de conhecermos outras futuras possibilidades de acomodação e refeição, já antevemos aquele gostinho da próxima viagem de retorno.

Depois de muitos anos voltei ao Toriba, que pra mim tem sabor de férias na infância, gosto de família inteira ao redor da mesa, e cheiro de saudade. O Toriba está lá há mais de cinquenta anos, já virou até um livro, contando os relatos de hóspedes que participaram da história desse lugar encantador. O ambiente de todo o Hotel é impecável, e o atendimento para cada um dos serviços, idem. Pasmem, possui quatro lugares distintos que prezam pela boa gastronomia. São eles o Restaurante Pennacchi, Terraço Panorama Vindima Café, e o Toribinha Bar & Fondue. Meio dia passeando por cada um deles foi pouco.

Fachada do tradicional Hotel Toriba. Foto Kaki Melo.

Fachada do tradicional Hotel Toriba. Foto Kaki Melo.

O Restaurante Pennacchi nos levou à uma atmosfera mágica, coadjuvante pros dois pratos icônicos: risoto e um ossobuco com um milanês muito bem executado, que entrou no hall dos must-have. Após a refeição, um passeio pelas dependências do Hotel que conta com infra-estrutura completa, inclusive SPA.

Restaurante Pennacchi, dentro do Hotel Toriba, com afrescos de artista plástico nas paredes. Foto Kaki Melo.           

Restaurante Pennacchi, dentro do Hotel Toriba, com afrescos de artista plástico nas paredes. Foto Kaki Melo.

Ossobucco de vitelo com conchicglioni no Restaurante Pennacchi, Hotel Toriba

Ossobucco de vitelo com conchiglioni recheado, Restaurante Pennacchi. Foto Kaki Melo.

No Terraço Panorama, um chá da tarde de boas vindas em uma mesa gigante nos recepcionou, trazendo toda sorte de bolinhos, fina pâtisserie e pãezinhos de tirar o fôlego. Após um breve recesso o terceiro tempo, onde fomos conduzidos ao espaço com um piano de cauda e lindas pinturas feitas por um artista plástico sensacional, que adornavam todas as paredes desse ambiente. Pedimos uma tábua de dois tipos de queijos e três embutidos, ficamos acompanhando pela janela o pôr-do-sol em degradê, e nos perdemos no som do pianista sensacional que premiava aquele piano de cauda ao som da melhor música clássica, acompanhando o compasso do tilintar das taças. A descrição é fiel ao vivenciado, uma verdadeira cena de filme. Antes do jantar, passamos no Vindima café, um espaço pequenininho e charmoso com cara de pub temático, uma vasta carta de drinks, bons rótulos de vinhos e comidinhas para quem quiser petiscar antes de um jantar memorável. Chegada a hora do jantar principal, o famoso fondue do Toribinha. Já perdi a conta das vezes que passei por lá, um dos meus preferidos da região. Os fondues preservam a qualidade que fez a fama da casa. Se há de escolher um fondue em Campos de Jordão, que seja do Toribinha, sempre mediante reserva.

Hotel Toriba, sala de piano de cauda com cardápios de drinks e petiscos. Foto Kaki Melo.

Hotel Toriba, sala de piano de cauda com cardápios de drinks e petiscos. Foto Kaki Melo.

Ainda na ala de restaurantes com clima romântico e perfeitos para curtir a dois, dentro do Hotel Frontenac – presente na rede Roteiros de Charme – está o Restaurante Charpentier. A decoração refinada em estilo sofisticado, conta com candelabros de cristal, toalhas de tecido fino e cadeiras com assinatura, é palco certo para celebração de momentos especiais. Bem ao lado, um pub estilo inglês com papel de parede xadrez e uma jukebox em pleno funcionamento. Os quartos possuem todas as comodidades para propiciar uma excelente estadia. O hotel também conta com uma área externa linda, ombrelones para relaxar e uma piscina. A localização é bastante interessante, pois fica próximo ao comércio e casas noturnas da região.

O ambiente em estilo clássico do Restaurante Charpentier, Hotel Frontenac. Foto: Kaki Melo.         

O ambiente em estilo clássico do Restaurante Charpentier, Hotel Frontenac. Foto: Kaki Melo.

Área externa do tradicional Hotel Frontenac. Foto Kaki Melo.

Área externa do tradicional Hotel Frontenac. Foto Kaki Melo.

Para preços mais em conta? Fuja do circuito das ruas do centrinho, que apesar de endereços badalados como a Taberna Baden Baden, trazem cifras salgadas. Uma ótima dica é o restaurante Costela no Bafo, descoberto por acaso, que fica bem no caminho do Horto Florestal. Fica ladeado por toda vegetação exuberante da área, com tudo muito bem servido, atendimento super simpático e valores mais simpáticos ainda.

Costela no bafo, perfeito para a dobradinha com o passeio no Horto Florestal da cidade. Foto Kaki Melo.

Costela no bafo, perfeito para a dobradinha com o passeio no Horto Florestal da cidade. Foto Kaki Melo.

Por Kaki Melo – uma empresária e verdadeira apaixonada pelo mundo da Hotelaria e Gastronomia, sempre em busca de viagens fantásticas, dicas de bons endereços e roteiros fascinantes.

RESOLVA TUDO PARA A SUA VIAGEM AQUI 


  Seguros Promo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *