Hospedagem

Rock in Rio terá o primeiro resort temático da marca

Rock in Rio Maraey Resort será o primeiro hotel e resort do Rock In Rio e ficará localizado no município de Maricá, no Estado do Rio de Janeiro.

resort do Rock in Rio

Lançado neste sábado (28) durante o segundo dia do Rock In Rio, o Maraey  será um dos mais importantes empreendimentos turísticos-residenciais sustentáveis do país.

Estiveram presentes no lançamento os responsáveis pelo empreendimento, o CEO da empresa IDB Brasil, Emilio Izquierdo Merlo, Roberta Medina, vice-presidente do Rock in Rio, além do prefeito de Maricá Fabiano Horta.

resort do Rock in Rio
Roberta Medina, Emilio Izquierdo Merlo e Fabiano Horta

Com o investimento estimado em R$ 11 bilhões, o projeto do ‘resort’ na Restinga de Maricá deverá gerar 30 mil empregos e colocará Maricá no mapa do turismo mundial. Serão quatro hotéis de padrão cinco estrelas, incluindo o primeiro resort temático com a marca Rock In Rio, e condomínios residenciais. Além do complexo hoteleiro, com mais de dois mil quartos, o empreendimento também prevê a construção de um centro de pesquisa ambiental e de uma universidade internacional de formação e capacitação de profissionais na área do turismo.

Como está localizado em uma Área de Proteção Ambiental (APA), o projeto apresentado prevê adequação às normas que protegem a fauna e flora local, prevendo uma área de superfície de construção de apenas em 6,4%.

Maricá está a apenas 45 km do Centro da cidade do Rio de Janeiro e a 1h30 (de carro) do Parque Olímpico, local onde acontece o Rock in Rio. De helicóptero, o trajeto entre o Rock in Rio Maraey Resort e a Cidade do Rock, na Barra da Tijuca, pode ser de no máximo 30 minutos, uma vez que o empreendimento ficará a apenas 4 quilometros do Aeroporto Municipal de Maricá.

Além do resort temático do Rock in Rio, também haverá um hotel eco-boutique integrado à Reserva Particular do Patrimônio Natural, um luxuoso hotel desenhado para ser um importante centro de convenções da América Latina e um Golf Resort de padrão internacional com um campo de golfe de 18 buracos.

resort do Rock in Rio

RESPONSABILIDADE AMBIENTAL E ACADÊMICA

Com 8,5 quilômetros de praias e 12 quilômetros de margem da Lagoa de Maricá, a área onde fica o empreendimento é paradisíaca, mas vem sofrendo contínua degradação. Poluição na lagoa, retirada ilegal de areia e madeira e outros usos indevidos prejudicaram o meio ambiente. Será política do empreendimento o contínuo trabalho de monitoramento ambiental e recuperação de áreas degradadas. A criação de uma RPPN de restinga, a segunda maior do Rio, por exemplo, confere ao projeto a responsabilidade de preservação integral e perpétua à área delimitada, com obrigação de gestão.  

A área do empreendimento tem 840 hectares, dos quais somente 6,4% terão edificações ao final da construção do Maraey. Descontando-se áreas de intervenção, como vias de acesso, jardins e o trecho já ocupado pela comunidade de Zacarias, 81% da área será preservada ou recuperada para garantir a vegetação nativa.

Algumas das mais importantes instituições de ensino e pesquisa do país, como UFRJ, UERJ, UFF, UFRRJ, UFES e FURG farão parte do Centro de Pesquisas do Maraey. Será uma instituição voltada para o estudo e a recuperação da flora e da fauna da restinga e dos demais ecossistemas da região.

Todo o esgoto do complexo, incluindo o da comunidade Zacarias, receberá tratamento terciário, o mais moderno do mundo, garantindo que nenhuma poluição seja despejada no mar ou na lagoa. O esgoto se transforma em água de reuso, para rega do campo de golfe e de jardins.

COMUNIDADE LOCAL: TÍTULO DE PROPRIEDADE E CULTURA PRESERVADA

A responsabilidade social é um dos pilares do empreendimento. A comunidade de pescadores de Zacarias, composta por cerca de 200 famílias, que atualmente vivem em condições jurídicas precárias, será beneficiada com um processo de regularização fundiária na primeira fase do projeto, com a cessão de título de propriedade e entrega de escritura definitiva aos moradores.

A comunidade ganhará melhorias de infraestrutura urbana, como saneamento e pavimentação de vias, no mesmo padrão do empreendimento.

A tradição e a cultura da comunidade serão resgatadas através de ações importantes como a criação da Casa do Pescador Artesanal, com a exposição da memória da atividade e o apoio técnico para garantir a continuidade da pesca, além de um programa de resgate e divulgação da memória familiar de Zacarias. O pescado será incentivado através de um programa de recuperação da Lagoa de Maricá e repovoamento com espécies nativas.

EDUCAÇÃO E CAPACITAÇÃO

A perspectiva de geração de 18 mil empregos diretos na operação do Maraey cria uma enorme demanda por pessoal qualificado nas áreas de turismo, serviços e hotelaria. Para atender a essa necessidade, será criado no empreendimento o Campus Universitário Maraey, liderado por umas mais renomadas escolas de hotelaria do mundo, cujo nome será anunciado nos próximos meses, com capacidade para 700 estudantes de nível superior. Com a criação do Centro de Formação de Hotelaria de Maricá, para 3 mil alunos de nível médio, pela administração municipal, a cidade vai se consolidar como um polo de formação e de excelência de serviços, em nível técnico e superior.

SOBRE A IDB Brasil

A IDB Brasil é a empresa criada para desenvolver o projeto Maraey. É controlada e administrada por empresas espanholas, entre as quais a Abacus Property Development e o Grupo Cetya, que possui as certificações ISO 9002 e ISO 14001 e atua há mais de 50 anos no mercado de construção global, com projetos que envolvem recuperação ambiental. O grupo Cetya atua também através da Fundação Cetya, que repassa 0,7% do volume de negócios da empresa para o desenvolvimento de projetos sustentáveis nos territórios onde atua, patrocinando projetos esportivos, culturais e sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *