Variedades & Tecnologia

As viagens e as lógicas da modernidade

Qual o impacto que o mundo digital pode ter na forma como as pessoas encaram as suas viagens?

O ser humano sempre gostou de viajar e de conhecer novos destinos, novas culturas e novas formas de vida. Evidentemente, todas as mudanças que o mundo tem vindo a sofrer ao longo do último século e, principalmente, nas duas últimas décadas, é um grande motivador disso mesmo, já que facilita grandemente a forma como se fazem as viagens.

Com estruturas mais adaptadas e também preços mais apelativos, no século XXI as viagens tornaram-se uma prática mais comum, havendo um maior fluxo turístico, que as agências, as companhias de viagem e os próprios destinos turísticos souberam aproveitar melhor do que ninguém.

Cientes do impacto que as novidades da tecnologia têm no ser humano e no eventual desgaste que poderia advir de uma maior procura pelos locais mais emblemáticos do mundo, a maioria das cidades e dos países começou a implementar uma taxa de turismo que visa a preservação dos espaços e obtenção de lucros melhores.

Mas não foi apenas isto que mudou com a modernidade, no que concerne às viagens. O papel das redes sociais nestas mudanças não pode também ser negado. Estudos recentes avaliaram estatisticamente as razões pelas quais a geração Millennial viaja e, entre as primeiras opções, estava a necessidade de encontrar locais dignos de uma boa fotografia para o Instagram, o que é demonstrativo do impacto destas redes nas escolhas atuais.

Hoje, é justamente sobre o mundo digital que nos debruçamos para descobrir, afinal, qual o impacto que a mídia social pode ter na forma como as pessoas encaram as suas viagens.

mundo digital

Razões consideradas na escolha de uma viagem

Escolher um destino de viagem não foi sempre igual. Historicamente, é possível notar que existe uma mudança significativa nas razões que levam alguém a escolher visitar um destino específico em vez de outro.

Alguns dos aspetos mais importantes na escolha dos destinos de viagem costumava ser a segurança do país, a sua oferta cultural ao nível patrimonial e museológico, a oferta recreativa (incluindo a vida noturna) e também a tradicionalidade e a cultura dos destinos.

Hoje, a estas razões, o mundo digital somou outras. Isto é visível, por exemplo, com o aumento no número de visitas a Chernobyl depois do lançamento da série com o mesmo nome. Além disso, as redes sociais também impactam fortemente nesta decisão.

Viajar na era da mídia social

Os influencers vieram mudar radicalmente a forma como as viagens são feitas no século XXI, ao tornarem alguns destinos verdadeiros postais digitais.

Hoje em dia, segundo as estatísticas, um dos principais pontos na escolha de um destino de viagem tem a ver com o seu potencial para se tirarem boas fotos.

Entre os destinos mais aclamados da atualidade, justamente pela promoção feita pelos influencers, são Paris, o Rio de Janeiro ou Santorini. Estes locais, em destaque em redes sociais como o Instagram ou o Snapchat são muitas vezes promovidos por influencers contratados por uma determinada marca deseja passar, espelhando os seus valores e chegando até ao público em geral como locais de sonho, o que os destaca face a outros destinos de viagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *